Arquivo da tag: 420

Veleiros do Sul será a sede do Brasileiro da classe 420

Foto: Ricardo Pedebos (Veleiros do Sul/Arquivo)
Foto: Ricardo Pedebos (Veleiros do Sul/Arquivo)

Classe da vela de base reúne para disputa nacional equipes do centro do país e da Argentina na Capital

Entre os dias 16 a 23 de janeiro o Veleiros do Sul será a sede do Campeonato Brasileiro da Classe 420 em Porto Alegre. Nos três primeiros dias serão feitas as medições e a regata de abertura. No dia 19 começa a série de regatas do campeonato que já conta com 11 tripulações inscritas do Rio de Janeiro, São Paulo e Argentina.

A expectativa é de receber cerca de 20 barcos na raia do Cristal, no Guaíba. Parte da vela de base, a 420 é conhecida como uma classe muito organizada, jovem e competitiva, onde duplas de velejadores a partir de 15 anos aprimoram em equipe os conhecimentos e onde muitos deles ensaiam o ingresso na vela olímpica. Embora a estrutura do barco 420 seja semelhante ao barco olímpico 470, a classe prepara o velejador para o ingresso em qualquer uma das classes olímpicas ao integrar o Mundial da Juventude da Federação Internacional de Vela (World Sailing).

O Veleiros do Sul deverá contar com três equipes na competição. O Clube está empenhado em fomentar a renovação de talentos da vela brasileira e em dezembro de 2015 habilitou-se junto à Confederação Brasileira de Clubes a receber um novo aporte de R$ 1,067 milhões em recursos provenientes da Lei Pelé via Ministério dos Esportes para a execução dos seus projetos esportivos voltados às categorias de base e olímpica. Com o repasse do projeto anterior (o Formação Olímpica I) o Veleiros do Sul adquiriu quatro barcos para a classe 420. Uma das equipes do Veleiros do Sul beneficiadas pelo projeto é Tiago Quevedo e Erik Hoffmann, que em sua primeira disputa nacional na Copa Brasil de Vela Jovem em dezembro fez o quinto lugar. A dupla também representará o Clube em casa no Brasileiro de 420.

 

Foto: Ricardo Pedebos (Veleiros do Sul/Arquivo)

______________________________________

Assessoria de Comunicação do Veleiros do Sul

Ane Meira Mancio

+55 51 3265 1733 ramal 5

comunicacao@vds.com.br

www.vds.com.br

Thiago Ribas e Erik Hoffmann rumo ao Mundial de 420 no Japão

Dupla do Veleiros do Sul embarca nese sábado para a Ásia

Começa na próxima sexta-feira (17) o Campeonato Mundial de 420 em Karatsu no Japão e a dupla do Veleiros do Sul Thiago Ribas e Erik Hoffmann embarca amanhã para a Ásia para defender o país em terras nipônicas.

 

Foto: Ricardo Pedebos/Veleiros do Sul
Foto: Ricardo Pedebos/Veleiros do Sul

O campeonato conta com 170 barcos inscritos e terá a participação de cinco equipes brasileiras — além da dupla do Veleiros do Sul, também correm o campeonato quatro paulistas do Yacht Club de Santo Amaro. Os gaúchos terão companhia de alto nível com o técnico argentino Pablo Volker, campeão mundial de 420 em 2011.

“A expectativa é muito grande porque os últimos mundiais foram na Europa, que tem muita estrutura e facilidade de logística e desta vez tudo será diferente. Em 2014 conseguimos terminar o campeonato na Flotilha Ouro e este ano queremos estar entre os TOP 20. Nosso objetivo também é abrir caminho para os velejadores que saem da classe optimist como o Gabriel Lopes e o Tiago Quevedo e mostrar uma classe competitiva, organizada e divertida que faz parte do Mundial da Juventude, além de ser uma transição para a classe olímpica 470”, comenta o timoneiro Thiago Ribas.

O campeonato termina em 25 de julho. Confira o site do campeonato.

 

Assessoria de Comunicação do Veleiros do Sul

Ane Meira Mancio

+55 51 3265 1733 ramal 5

comunicacao@vds.com.br

www.vds.com.br

Confira como foi a Taça Outono 2015 no YCSA

29

Campeonato foi válido para as classes Optimist, 420 e 29er

A Taça Outono 2015 foi sediada pelo Yacht Club Santo Amaro e começou no último sábado, 11/04, com a realização de apenas uma regata.

Com variação de 04 a 08 nós, os ventos apareceram timidamente este final de semana e possibilitaram que mais duas regatas fossem completadas no domingo, 12/04.

Pela classe Optimist, Nicolas Bernal do YCSA manteve a regularidade do primeiro dia e foi campeão após vencer as três regatas competindo com mais 18 velejadores. Ignácio Alzueta foi vice-campeão geral e o primeiro colocado na categoria Infantil. O bronze geral e a prata Infantil foi conquistado por Theo Chao.

Já na classe 420, a dupla Antônio Mazzuco e Marco Peek foram os campeões. Na sequência, com a prata, veio a dupla feminina Luisa Ferreira e Lisa Reimer. Em terceiro lugar, chegaram André Fiuza e Stephan Kunath.

E na classe 29er, Martin Lowy e Marcelo Peek conquistaram o ouro, Antônio Aranha e Alexander Essle a prata, e Marina Bomeisel e Nicole Buuck o bronze.

Confira aqui as súmulas finais:

Optimist

420

29er

Fonte: YCSA

YCSA é sede da Taça Geraldo Peixoto na Guarapiranga

Eric e Rodrigo na 420 | Foto: Volnys Bernal / YCSA
Eric e Rodrigo na 420 | Foto: Volnys Bernal / YCSA

Flotilhas das classes Optimist e 420 do Audi YCSA Sailing Team disputam as regatas deste fim de semana (7 e 8) na Represa Guarapiranga

São Paulo (SP) – O Yacht Club Santo Amaro (YCSA) organiza neste fim de semana (7 e 8) seu primeiro evento da temporada na Represa Guarapiranga. O ano de 2015 será inaugurado com a Taça Geraldo Peixoto, ex-Taça Flotilha da Garoa, com a previsão de seis regatas, máximo de três por dia. A competição reúne barcos Optimist e 420, classes de base da vela que competem na Raia 1, destinada aos veleiros de menor porte, capazes de navegar mesmo com o nível mais baixo da represa.

São esperadas cerca de 50 embarcações, dez da classe 420 e 40 da Optimist, entre inscrições do YCSA, outros clubes do entorno da Guarapiranga e velejadores do litoral norte de São Paulo. O Audi YCSA Sailing Team leva à raia, velejadores considerados favoritos. Na 420, a dupla Eric Belda e Rodrigo Dabus conquistou o título sul-americano em dezembro em Porto Alegre e o vice brasileiro há 15 dias em Ilhabela. André Fiuza e Stephan Kunath, terceiros em ambas as competições, também estão confirmados, assim como Olivia Belda e Marina Arndt, melhor dupla feminina no Brasileiro.

Olivia e Marina na 420 | Foto: Silas Azocar/PMI
Olivia e Marina na 420 | Foto: Silas Azocar/PMI
Optimists na Guarapiranga | Foto: Volnys Bernal / YCSA
Optimists na Guarapiranga | Foto: Volnys Bernal / YCSA

Na Optimist, os destaques do Audi YCSA Sailing Team são: Martin Chao, Nicolas Bernal e Leonardo Didier, que subiu ao pódio da categoria mirim no Brasileiro disputado em janeiro na Baía de Guanabara. As regatas deste fim de semana serão disputadas em percurso barla-sota (demarcado por duas boias) ou trapezoidal. A partir da quinta regata descarta-se o pior resultado. As primeiras largadas estão marcadas às 13h00. Além do YCSA, Classe Optimist São Paulo (COSP), Classe 420 SP e Fevesp, organizam o campeonato.

Meia vida dedicada ao YCSA – A mudança de nome da competição deve-se a uma justa homenagem. Geraldo Peixoto é o mais antigo funcionário do YCSA. No próximo dia 1º de março completa 32 anos de serviços prestados ao clube. O mineiro de 64 anos dedicou até hoje metade de sua vida aos associados que o chamam carinhosamente de seo Geraldo. “Sinto-me muito feliz. Não esperava tamanha alegria. Recordo o dia em que cheguei. Não sabia nada e entrei como ajudante-geral”, conta o funcionário que já foi o responsável pela piscina e hoje tem o cargo de supervisor náutico.

Geraldo Peixoto, justa homenagem | Divulgação/YCSA
Geraldo Peixoto, justa homenagem | Divulgação/YCSA

Geraldo acompanhou a evolução de associados como Robert Scheidt, João Hackerott e Rique Vanderley e orgulha-se por tê-los ajudado desde a época do Optimist. “Sempre estava na rampa para levar os barcos deles para a água e depois trazê-los de volta ao hangar, quando as regatas acabavam. Ajudei muito essa turma e se precisar ajudarei novamente”, afirma Geraldo, sempre solícito, esbanjando humildade e simpatia.

Atualmente, Geraldo acompanha as disputas na Guarapiranga embarcado, junto à raia como integrante da Comissão de Regatas (CR). “Ajudo a organizar as largadas, contar os barcos, ver se alguém largou escapado. Aprendi muito trabalhando aqui. O YCSA é muito importante na minha vida. Tudo o que conquistei e tenho hoje, veio do meu trabalho neste clube”, resume o supervisor demonstrando que seu empenho foi reconhecido.

Audi YCSA Sailing Team – Foi formado no início de 2014 com o objetivo de reforçar a missão de formar os futuros velejadores. O projeto abrange 40 atletas da Vela Jovem distribuídos entre as classes Optimist, 420, Laser, 29er e Byte. O apoio está voltado para a aquisição de barcos e velas, contratação de técnicos especialistas nas classes envolvidas e viabilização de viagens para intercâmbio e disputa das principais competições internacionais. Robert Scheidt, o maior atleta olímpico brasileiro em todos os tempos e ganhador de 14 títulos mundiais entre as classes Laser e Star, é o embaixador da marca no País.

Yacht Club Santo Amaro – Fundado em 1930, o YCSA consolidou-se ao longo de oito décadas como um celeiro de campeões da vela à margem da Represa de Guarapiranga, extremo sul de São Paulo. Conhecido também por Clube dos Alemães, devido à origem de seus fundadores, o YCSA sustenta como principal missão revelar os talentos para a vela brasileira. Campeões e medalhistas olímpicos, mundiais e pan-americanos como Robert Scheidt, Alex Welter, Cláudio Biekarck, Reinaldo Conrad, Peter Ficker, Gunar Ficker e Marcelo Batista elevaram o Brasil em suas conquistas nas principais competições mundiais.

Mais informações no site ycsa.com.br
Fanpage no Facebook: www.facebook.com/yachtclubsantoamaro

Ary Pereira Jr. – MTb 23297 / ary@zdl.com.br
Tel: 11 32855911 / Vivo: 9 7602-2986 / Tim: 9 9275-7044

 

Yacht Club Santo Amaro disputa título de 420 em Ilhabela

Eric e Rodrigo, em Ilhabela | Foto: Volnys Bernal / YCSA
Eric e Rodrigo, em Ilhabela | Foto: Volnys Bernal / YCSA

Flotilha da classe 420 do Audi YCSA Sailing Team compete até quarta-feira (21) na Capital Nacional da Vela. Campeões sul-americanos estão em segundo lugar

São Paulo (SP) – Dez duplas do Audi YCSA Sailing Team iniciaram a briga pelo título brasileiro da classe 420 neste domingo (18) em Ilhabela. O campeonato reúne 20 duplas de São Paulo, Rio Grande do Sul e Rio de Janeiro até esta quarta (21) ou quinta-feira, dependendo das condições de vento. Estão previstas dez regatas no Canal de São Sebastião, com sede na Escola Municipal de Vela de Ilhabela, no Pequeá. Após a quinta prova o pior resultado será descartado.

Entre os favoritos do Yacht Club Santo Amaro (YCSA), estão os atuais campeões sul-americanos da classe, Eric Belda e Rodrigo Dabus, que conquistaram o título em 22 de dezembro no Veleiros do Sul (VDS), em Porto Alegre. A dupla ocupa a vice-liderança em Ilhabela após as três primeiras regatas. O Brasileiro de 420 conta ainda com os medalhistas de bronze no Sul-americano, também do Audi YCSA Sailing Team, André Fiuza e Stephan Kunath, que seguem em terceiro lugar. Os gaúchos, Tiago Brito e Andrei Kneipp lideram a competição. Os representantes do Clube dos Jangadeiros venceram o último campeonato nacional da classe, há um ano, em Búzios (RJ).

As demais duplas do Audi YCSA Sailing Team em Ilhabela são formadas por: Pedro Corrêa e Philipp Essle, em quarto lugar; Olivia Belda e Marina Arndt, Antonio Aranha e Alexander Essle, Antonio Mazuco e Adriano Peek, Marina Bomeisel e Marco Peek, Victor Gil e Marcelo Peek, Helena de Marchi e Elisa von Fritsch, além de Luisa Ferreira e Lisa Reimer.

Regata de 420 em Ilhabela  | Foto: Volnys Bernal / YCSA
Regata de 420 em Ilhabela | Foto: Volnys Bernal / YCSA

O Campeonato Brasileiro está sendo disputado por velejadores inscritos na Federação Internacional de Vela (ISAF), com organização da Prefeitura Municipal, Associação Brasileira da Classe 420, CBVela e Coordenação Paulista de 420. Por ter etapa única na temporada, a competição do litoral norte de São Paulo define os campeões brasileiros de 2015.

Brasileiro de Optimist – Acabou neste domingo, na Baía de Guanabara, o Campeonato Brasileiro de Optimist, a classe de entrada para a vela. Entre 145 atletas recebidos pelo Iate Clube do Rio de Janeiro, Martin Chao foi o representante do Audi YCSA Sailing Team mais bem classificado, com a 11ª colocação, seguido por Nicolas Bernal, ainda infantil, que obteve classificação para a flotilha ouro (72 barcos) e encerrou o campeonato na 31ª posição. Tiago Quevedo (VDS), Tiago Monteiro (Cabanga Iate Clube), de Pernambuco, e Gabriel Camargo (VDS), ficaram com ouro, prata e bronze, respectivamente.

Nicolas Bernal, no Rio | Foto: YannaCFotografia
Nicolas Bernal, no Rio | Foto: YannaCFotografia
Martin Chao | Foto: YannaCFotografia
Martin Chao | Foto: YannaCFotografia

Audi YCSA Sailing Team – Foi formado no início de 2014 com o objetivo de reforçar a missão de formar os futuros velejadores. O projeto abrange 40 atletas da Vela Jovem distribuídos entre as classes Optimist, 420, Laser, 29er e Byte. O apoio está voltado para a aquisição de barcos e velas, contratação de técnicos especialistas nas classes envolvidas e viabilização de viagens para intercâmbio e disputa das principais competições internacionais. Robert Scheidt, o maior atleta olímpico brasileiro em todos os tempos e ganhador de 14 títulos mundiais entre as classes Laser e Star, é o embaixador da marca no País.

Yacht Club Santo Amaro – Fundado em 1930, o YCSA consolidou-se ao longo de oito décadas como um celeiro de campeões da vela à margem da Represa de Guarapiranga, extremo sul de São Paulo. Conhecido também por Clube dos Alemães, devido à origem de seus fundadores, o YCSA sustenta como principal missão revelar os talentos para a vela brasileira. Campeões e medalhistas olímpicos, mundiais e pan-americanos como Robert Scheidt, Alex Welter, Cláudio Biekarck, Reinaldo Conrad, Peter Ficker, Gunar Ficker e Marcelo Batista elevaram o Brasil em suas conquistas nas principais competições mundiais.

Mais informações no site ycsa.com.br
Fanpage no Facebook: www.facebook.com/yachtclubsantoamaro

Ary Pereira Jr. – MTb 23297 / ary@zdl.com.br
Tel: 11 32855911 / Vivo: 9 7602-2986 / Tim: 9 9275-7044

Audi YCSA Sailing Team tem primeiro desafio na 420

mundial420_7

Começou, em Ilhabela, o Campeonato Brasileiro da Classe 420 2015.

Organizado pela Prefeitura Municipal de Ilhabela, Associação Brasileiro da Classe 420, CBVela e Coordenação Paulista da Classe 420, o primeiro dia está reservado para recepções, inscrições e medições.

Com sede na Escola Municipal de Vela de Ilhabela (EVI), o evento vai até 22/01 e começa para valer no domingo dia 18/01, com regatas programadas para as 14h.

lhabela, capital nacional da Vela, reune os melhores velejadores da classe de monotipo para intensas disputas no canal de São Sebastião, entre eles as duplas do Yacht Club Santo Amaro que irão defender a equipe Audi YCSA Sailing Team.
É o primeiro desafio da equipe do YCSA, que no seu último compromisso de 2014 em Dezembro, trouxe o ouro e o bronze para São Paulo no Sul Americano da classe, com as duplas Eric Belda e Rodrigo Dabus (1º) e André Fiuza e Stephan Kunath (3º).
O evento será aberto aos velejadores registrados na Federação Internacional de Vela (ISAF) e filiados à Associação Brasileira da Classe 420. Por ser etapa única, esta competição define o campeão do ano.
brasileiro_420_2015
Fonte: YCSA