Semana de Vela de Ilhabela em mais projetos ambientais

Principal competição náutica da América Latina trabalha para reduzir impactos ambientais

Depois de proibir o uso de canudinhos plásticos e conscientizar atletas em relação à poluição das águas, os organizadores da Semana de Vela de Ilhabela querem ampliar as ações ambientais.

O Yacht Club de Ilhabela, responsável pela competição, pretende promover outras campanhas no estilo da World Clean Up Day (Dia Mundial da Limpeza), ocorrida no último sábado (15). Mais de 150 países participaram da mobilização.

sbnews-foto-20180919-03
World Claenup Day FOTO | Divulgação

No total em Ilhabela, 35 pontos/áreas de ação com voluntários estiveram presentes. Outras marinas como a Porto Ilhabela, Paddle Club, ONGs escolas e escoteiros ate mesmo a Marinha do Brasil apoiaram o YCI.

“O mais importante é conscientizar os filhos do nossos sócios”, destacou José Luiz Gandini, Comodoro do YCI. ”Vamos fazer mais!”.

O principal nome do Yacht Club de Ilhabela ainda lembrou que a associação já deu início a esses trabalhos sustentáveis, já que além de participar deste evento mundial, começou um projeto na qual é proibido usar canudinhos dentro do clube.

A ação do Dia Mundial da Limpeza teve coordenação de Julio Cardoso, diretor de meio ambiente do YCI e da Semana de Vela de Ilhabela. A produção foi da Full-Time Eventos.

 

Entrevista coletiva dos organizadores da World Clean Up Day 

 

A vela é uma modalidade sustentável, pois obriga os velejadores durante a competição a usar apenas a força dos ventos! Ligou o motor está eliminado de uma regata.

Na semana de Vela de Ilhabela 2018, o Yacht Club promoveu uma ação ambiental inédita. O grupo retirou o excesso de lixo boiando no mar no mesmo período das regatas.

Assim com a World Clean Up Day, a ação do mês de julho foi voluntária e aberta ao público e aos barcos participantes da competição.

Saiba mais AQUI sobre a ação.

sbnews-foto-20180919-02
Garrafa plástica FOTO | Divulgação

World Clean Up Day 

Entre 400 a 450 pessoas participaram da coleta do lixo nas águas de Ilhabela no dia 15 de setembro. O resíduo posteriormente foi separado e classificado.

”Uma das coisas que chamou a atenção em particular foram as garrafas pet de água mineral da Turquia…boiando no canal e nas praias do sul da Ilhabela. Os suspeitos são os navios que transportam gado vivo em grande numero para a Turquia a partir do Porto de Sao Sebastião”, disse Julio Cardoso, diretor de meio ambiente do YCI e da Semana de Vela de Ilhabela.

”Esse transporte de gado por si só ja tem causado muitos problemas de mal cheiro e mesmo poluição e agora mais isso!”.

O diretor jurídico do YCI, Alex Pereira Costa, destacou a importância dessa ação para região e para o resto mundo.

“Acho bacana não só para população da região como para todo o mundo, por ser um evento global. A ideia e conscientizar as próxima gerações sobre como é nocivo jogar lixo e qual tipo de lixo no mar. Tenho certeza que essas próximas gerações que estão por vir irão mudar esse cenário, já que estão sendo educadas e estão vendo os problemas que o lixo está causando”.

 

—–

Entre em contato com a equipe On Board Sports:

🏃️Flavio Perez
📧 flavio@onboardsports.net | redacao@onboardsports.net
📱+55 11 99949-8035
🔛 www.onboardsports.net

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s