Mercado segurador de embarcações passa por momento delicado

 

sbnews-foto-20161118-04Desde 2015, o Mercado segurador para embarcações de esporte e recreio passa por um momento delicado.

A incidência anormal de sinistros, muitos envolvendo incêndios com perda total das embarcações, fugiram a toda e qualquer estatística e provocaram o fechamento das carteiras junto a diversas Seguradoras.

Para se ter uma ideia, o incremento de sinistros registrados em 2015 teve um crescimento de 55% na quantidade de eventos (sinistros decorrentes de incêndio cresceram 74%) e o índice de sinistralidade final (sinistros X prêmio arrecadado) na ordem de 251%.

A grande maioria destes sinistros são de lanchas e iates a motor.

Por causa destes números alarmantes, algumas seguradoras deixam de fazer seguro ou optaram por fechar sua carteira de seguros de embarcações, outras limitaram a aceitação de novos seguros à um máximo de R$ 500.000,00 de importância segurada ou somente faz seguro de embarcações novas. As que sobraram, aumentaram as exigências e os prêmios de seguro de embarcações de esporte e recreio.

Assim, se você é proprietário de um veleiro, na renovação do seu seguro, vai verificar um aumento refletido nos valores dos prêmios a serem pagos, que passaram a considerar no seu cálculo, o aumento do risco descrito acima.

Contudo, não é somente a crise econômica que gerou esta situação… ela vem acompanhada também, da má índole de certos proprietários de embarcações… é uma vergonha!

Max Gorissen – Editor e velejador

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s